Agência: Como foi formada a sua chapa?

Dr° Márcio: Nossa Chapa foi formada com profissionais altamente qualificados e comprometidos com as prerrogativas dos advogados, bem como com nossa categoria, além, de termos comprometimento com o cidadão buziano!!!

Agência:Quais os maiores anseios vocês percebeu na classe durante sua campanha?

Dr° Márcio: Percebemos que os advogados precisam de um porto seguro, eles sabem que podem contar com a OAB, para trabalhar (escritório compartilhado), atendendo seus clientes, bem como fazendo petições, com orientações em todos os sentidos, ou seja, tudo que os advogados precisam, tem na OAB.

Agência: Como trazer o advogado mais para perto da Ordem?

Dr° Márcio: Isso, nós já fizemos. Em primeiro lugar, tratar o advogado com respeito e mostrar para ele, que a OAB é sua segunda casa.

Agência: Como será a participação das mulheres na sua gestão?

Dr° Márcio: As mulheres sempre foram incentivadas a participar de nossa gestão, tanto em nossa chapa, como nas comissões. Gostaríamos que elas participassem mais, mas, cada um tem o seu tempo.

Agência: A Defesa das prerrogativas dos advogados ainda é um dos desafios da Ordem em Búzios?

Dr° Márcio: Esse desafio nós já superamos, pois, nós damos toda assistência e apoio aos advogados. Defendemos os advogados contra qualquer ato que os desabone.

Agência: Com relação ao jovem advogado, quais projetos estão voltados para essa classe?

Dr° Márcio: Quando o advogado se forma, possui muita dificuldade em entrar no mercado, por isso, a OAB, tem as portas abertas, com escritório compartilhado, o qual, o advogado pode atender seu cliente, com toda infraestrutura, além de nossas secretárias auxiliá-lo, durante todo o tempo em que permanecer no interior da OAB.

Agência: E com relação às especializações?

Dr° Márcio: Nós fazemos palestras e cursos de especialização, durante todo ano, basta o advogado acompanhar a nossa agenda e escolher o curso que mais tem afinidade.

Agência: Tendo em vista as recentes mudanças políticas no Brasil, qual papel da OAB frente a isso?

Dr° Márcio: A OAB não tem partido, nós acompanhamos a política para que não ocorra atrocidades contra a sociedade. Se tentarem tirar os direitos do povo, a OAB, vai buscar o caminho legal, para que os direitos do povo sejam mantidos.

Agência: Existem severas críticas por parte do Presidente eleito ao exame da Ordem. O que o senhor acha sobre isso? A prova prepara de fato o bacharel para exercer as funções da advocacia?

Dr° Márcio: Nós acreditamos que o presidente Bolsonaro tenha falado em caso isolado, uma vez que nossa educação está péssima. Certamente, com a melhora na educação, os formandos serão  bem mais preparados. Atualmente, existem centenas de faculdades de direito, isso acaba levando o nível para baixo e quando o aluno se forma e vai para a prática, percebe que não sabe nada, mesmo fazendo a prova da OAB, por isso, o presidente Bolsonaro falou que a prova não adianta muito, mas, a realidade é precisamos melhorar o nível de ensino em todas as categorias.   


Agência: E para finalizar, o que a classe pode esperar da sua gestão à frente da OAB?

Dr° Márcio: Em nossa gestão os advogados já sabem que a OAB está com as portas abertas, para defendê-los, para auxiliá-los em todos os seguimentos, além de várias palestras e cursos, para que os mesmos possam se capacitar cada vez mais. Nós atendemos também a população buziana, que muitas vezes se encontra sem saber a quem recorrer e bate em nossas portas e, com toda certeza entregamos à sociedade o remédio jurídico para que possa solucionar o seu conflito.
A OAB é a única Instituição que realiza esse trabalho, tanto dando todo suporte aos advogados, bem como à sociedade de um mode geral.

Deixe uma resposta